Live marketing será tema de debate na CNC

Seminário Live Marketing – A Nova Inteligência para Marcas e Cidades vai debater o conceito que proporciona diálogo entre marcas e pessoas

Dando continuidade à série Turismo – Eventos em Debate, o Conselho Empresarial de Turismo e Hospitalidade (Cetur) da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) vai promover, no dia 8 de agosto, às 14 horas, o seminário Live Marketing – A Nova Inteligência para Marcas e Cidades.

Mediado pela professora Marisa Canton, da Fundação Getulio Vargas (FGV) de São Paulo, o debate contará com a presença do diretor de Planejamento e Marketing da Riotur, Mauricio Werner, do sócio-diretor da agência Etna e presidente da Associação de Marketing Promocional (Ampro), Wilson Ferreira Junior, do colunista do jornal O Dia e do site Promoview, Tony Coelho, e de Leila Bueno, presidente da Associação de Fornecedores de Cenografia (Abrafec), entre outros.

Segundo o presidente do Cetur/CNC, Alexandre Sampaio, o encontro vai explorar os principais conceitos do formato, sua utilização em eventos e como isso pode ajudar a potencializar a visibilidade dos produtos, das marcas e do próprio segmento de eventos. “O live marketing provoca compreensão diferenciada de produtos, serviços e marcas, explorando as sensações e promovendo mais experiências ao público. Por isso, é um dos formatos mais utilizados pelas marcas em eventos para gerar resultados”, destaca.

O seminário será transmitido em tempo real pela internet, e o público poderá participar enviando perguntas para http://novowebinar.crosshost.com.br/seminariolivemarketing

O seminário Live Marketing – A Nova Inteligência para Marcas e Cidades é o segundo de quatro eventos da série Turismo – Eventos em Debate. Os próximos encontros da série acontecerão em outubro e dezembro, na sede da CNC/RJ.

Mais informaçõeshttp://cnc.org.br/cnc/eventos/turismo/live-marketing-nova-inteligencia-para-marcas-e-cidades

Compartilhe essa página com um amigo ou nas redes sociais:

Os comentários estão desativados.

Mais Notícias



VOLTAR