Cooperativa Vinícola Garibaldi aposta na produção de uvas moscato

uvas moscato

 

Número de associados que cultivam essa variedade quadriplicou nos últimos cinco anos

Carro-chefe nas vendas da Cooperativa Vinícola Garibaldi, o espumante Moscatel vem ganhando cada vez mais espaço no mercado e no gosto dos consumidores – o título de Melhor Espumante do Cone Sul conquistado por avaliadores do concurso chileno Catad’Or Wine Awards 2018 comprova a qualidade da bebida. Por isso, atenta ao sucesso do rótulo Garibaldi Moscatel, a marca vem estimulando os produtores associados a cultivarem uvas moscato, que se desenvolvem extremamente bem no clima e terroir da Serra gaúcha. Nos últimos cinco anos, o número de agricultores que fornecem essa variedade praticamente quadriplicou: eram 18, em 2003, e agora são 70. A área cultivada também chama a atenção: passou de 10 para 50 hectares.

“Em 2018, a Cooperativa Vinícola Garibaldi produziu 16 milhões de litros de produtos, entre espumantes, vinhos e sucos. Os espumantes representaram cerca de três milhões de garrafas, sendo 38% da variedade Moscatel. As características do solo e clima da região, o minucioso trabalho dos produtores nos vinhedos e o cuidado em cada etapa na elaboração das bebidas são fatores-chave para a qualidade dos nossos produtos”, comenta o presidente Oscar Ló.

Sobre a Cooperativa Vinícola Garibaldi

A história da Cooperativa Vinícola Garibaldi começou a ser escrita em 1931, pela união de diversas famílias de agricultores como alternativa para vencer as dificuldades econômicas do país na época. Atualmente, são 400 famílias associadas, localizadas em 15 municípios da Serra gaúcha. Seu portfólio tem 65 produtos distribuídos em 12 marcas, entre espumantes, vinhos tintos e brancos, linhas de exportação, frisantes, filtrados e sucos de uva – além de opções orgânicas e biodinâmicas.

Fotos: Cassius André Fanti

Divulgação: Exata Comunicação

Compartilhe essa página com um amigo ou nas redes sociais:

Os comentários estão desativados.

Mais Notícias



VOLTAR