RAR se prepara para colheita de sete variedades de uva

RAR

Crédito: Samela Lauz

 

Empresa fundada por Raul Anselmo Randon produz vinhos com as variedades Cabernet Sauvignon, Merlot, Pinot Noir, Chardonnay, Sauvignon Blanc, Gewurztraminer e Viognier.

É chegada a época da vindima e as empresas que atuam no segmento da vitivinicultura se preparam para a colheita da uva. A RAR, empresa fundada por Raul Anselmo Randon, colherá, entre os meses de fevereiro e março, sete variedades cultivadas em fazendas localizadas em Vacaria e em Muitos Capões, nos Campos de Cima da Serra: Cabernet Sauvignon, Merlot, Pinot Noir, Chardonnay, Sauvignon Blanc, Gewurztraminer e Viognier.

Conforme o diretor-superintendente da RAR, Sergio Martins Barbosa, a expectativa é muito positiva em relação à qualidade das uvas. “Deveremos atingir uma qualidade final muito boa, em função do clima ao longo do período de cultivo”, destaca. Ele adianta que a colheita da primeira variedade, a Pinot Noir, que também é utilizada como base para espumante, deve ser iniciada entre os dias 10 e 15 de fevereiro.

Sergio ressalta que neste período é realizada também a colheita da maçã, área da fruticultura que a RAR atua por meio da Rasip, que está entre as maiores produtoras da fruta no país.

Sobre a RAR

A RAR, de Raul Anselmo Randon, teve origem na fruticultura, com o cultivo da maçã na década de 1970. Hoje, é a terceira maior produtora e comercializadora da fruta no Brasil. Nos anos 1990, montou a primeira fábrica de queijo Tipo Grana fora da Itália lançando a marca Gran Formaggio. A RAR tem, em seu portfólio, linha de importados com queijos e acetos italianos, presuntos e salames italianos e espanhóis, e azeites de oliva chilenos. A linha de derivados é composta por creme de leite fresco, manteiga e queijo parmesão. A empresa, com sede em Vacaria (RS), ainda conta com linha de 19 rótulos entre vinhos e espumantes e azeite de oliva a partir de produção própria. Esses e outros produtos com a qualidade RAR podem ser encontrados na loja virtual www.spacciorar.com.br.

Compartilhe essa página com um amigo ou nas redes sociais:

Os comentários estão desativados.

Mais Notícias



VOLTAR